domingo, 10 de Março de 2013

Esta Semana...



Fui ao Teatro mais Pequeno do mundo e ouvi uma história muito bem contada. Um texto do Mia Couto que dava conta de como a Arte é estranha às aranhas e aos humanos…

Só paguei 1€. Eu nunca fui abonada e com esta ameaça, que paira no ar, de uma desvalorização ainda maior do trabalho e de empobrecimento da população portuguesa, tenho que ter muito cuidado.
Só fico mais descansada por saber que existe um género de ‘dieta liberal’ que defende que os pobres (quem ganha o salário mínimo em Portugal, é pobre),os pobres podem muito bem alimentar-se o mês todo com 55€ e ainda lhes sobra muito dinheiro.

Se quiserem : Confirmem aqui onde para além da dieta se faz o elogio da pobreza - 'pobreza e miséria não são a mesma coisa' ...

Portanto, se calhar, o nosso Primeiro tem razão e o salário até deve baixar… 

Vejamos,

depois de pagar a casa (200€, em Lisboa ou Coimbra dá para um barraco luxuoso), despesas como água, luz, gás, comunicações (cerca de 100€, sim porque o pobre não precisa de tomar banho de água quente, aliás o pobre nem sequer precisa de tomar banho todos os dias) o passe para ir trabalhar (em alguns locais cerca de 80€), um pobre com carro é um pobre desmazelado, o pobre sabe que tem que aguentar todos os dias filas, atrasos e uma ou duas horas nos transportes públicos, ainda sobra muito dinheiro.
Neste momento, a soma ascende aos 435€ ‘dieta liberal’ incluída (55€). Portanto, se contabilizarmos mais 35€ por mês para higiene própria e da casa, roupa, calçado e despesas com pequenos objetos (uma panela, uma toalha, um lençol que se rasgue…) sobram ao pobre 15€…
O salário mínimo chega muito bem! 
Desde que o pobre saiba guardar o que lhe sobra para fazer face a uma doença inesperada e não tenha a ambição de querer ir ao teatro de 6 em 6 meses, ler mais do que um livro ou assistir a mais do que dois filmes e um concerto por ano, atividades para as quais deve reservar parte dos subsídios de férias e de Natal.
Porque se o pobre for ambicioso, não se contiver e achar que deve ter acesso a um pequeno curso que lhe dê mais habilitações, a Universidade não é uma opção a propina de um ano de licenciatura são logo 2 salários mínimos com duodécimos, ou então, cúmulo dos cúmulos para um pobre, se ele achar que pode ter filhos, aí o salário mínimo não chega…mas, nesse caso a culpa é dele!
Ou seja, o pobre só passa dificuldades financeiras se quiser. Devia, por isso, ser mais solidário e abdicar de alguns dos luxos que contabilizamos para o salário mínimo poder baixar. Mais pessoas deviam poder usufruir da vida maravilhosa que os pobres têm!

Será que essa elite liberal (ou que se diz liberal, desconfio que a maioria não sabe o que isso é), completamente alienada, que comenta estas coisas e não tem inteligência que chegue para fazer o exercício de avaliar o mundo à sua volta e se colocar no lugar dos outros não ouviu o seu tão idolatrado Obama dizer que quem trabalha deve poder sustentar-se com uma vida digna, não deve ser pobre. Serão todos amiguinhos do Sr. Passos Coelho e do seu apêndice Miguel Relvas?
Esta gente mete-me nojo, não têm a mínima noção do que é a vida real!

Portanto, esta semana vagueei entre a arte e a bestealidade... 

12 comentários:

  1. Respostas
    1. Não me digas que tu sendo dona de casa e mãe de duas lindas crias, não sabes o segredo da "dieta liberal"....

      Eu devia saber, um almoço na cantina da universidade, prato social custa 2,30€ se eu me limitar a comer o almoço da cantina nos 20 dias úteis do mês ainda sobram uns trocos... eu sou uma parva que insiste em jantar e comer ao fim de semana, e ainda por cima insisto em usar o fogão para cozinhar...

      Eliminar
  2. Esta gente de tudo é capaz... até de indexar o salário ao "borda de água", é que no verão, com céu estrelado, o pobre não precisa nem de telhado, nem de abafo nem de conta de gaz... a fruta é alimento saudável e não precisa ser cozinhada... razão tem o cardeal patriarca: "a sociedade suporta tudo", diz esse sortudo... exactamente o que o Ulrich disse

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. realmente, o ser humano aguenta, aguenta, aguenta...

      Eliminar
  3. OLá!
    Onde é que há teatro com entradas a 1€? Eu também quero!!!
    Falando do salário mínimo. Eu já há muito que dou voltas ao miolo para tentar perceber como se" vegeta"com esses euros. Uma pessoa só é complicado...mas uma família com uma criança, não mais, como é possível???
    Para mim, estes governantes são um misto de asno com vampiro.
    M. Emília

    ResponderEliminar
  4. E arrepiaste-me Tetisq!

    Eu revi-me neste pobre.
    Sou uma pobre muito inconsciente e...fico por aqui ou ainda passo a sem abrigo.

    Um beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também estou a tomar consciência do quão irresponsável tenho sido...não é que sendo pobre insisti em voltar a faculdade?
      No fundo, no fundo, somos nós os responsáveis pelo elevado desemprego...

      bj*

      Eliminar
  5. Tem toda a razão Maria Emilia, são asnos!

    desculpe, devia ter colocado o link para divulgar fica aqui, estiveram em Coimbra mas, andam pelo país :
    http://www.tagv.info/pt/cat/sessoes_detalheT.php?sessao=1131



    ResponderEliminar
  6. Eles estão a maior parte do tempo nos gabinetes e quando lá não estão, vão e visitas oficiais rodeados de seguranças. Têm comida à borla e uma série de mordomias (que não vou aqui enunciar, para não ocupar muito espaço) vivem constantemente em aviões, dormem em hoteís pagos por nós.
    Como poderiam conhecer alguma coisa do país?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois dos que governam não podemos de facto esperar grande coisa, agora os que os defendem e vêem neles grandes inspirações não percebo...mas, acho que neste momento só está com o governo, que tem que se manter pelos partidos à espera do óbitos dos boys actuais para poder ocupar o lugar deles, os familiares, dos governantes, dos banqueiros e administradores que deles dependem e os putos ricos 'burgueses' ou não, são pessoas imaturas que nunca se confrontaram com a realidade...

      Eliminar
  7. Para o governo é legal roubar, já o resto.....enfim.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. e, se não for legal, eles fazem com que se torno legal...

      Eliminar